Open Conference Systems, V JORNACITEC

Tamanho da fonte: 
UTILIZAÇÃO DO RADIODIAGNÓSTICO EM DOENÇAS OPORTUNISTAS
Fernanda Garcia Aun, Malena Roberta Feliciano, Marjorie do Val Ietsugu

Última alteração: 2016-10-16

Resumo


O sistema imune consiste em uma rede de células, tecidos e órgãos que atuam na defesa do organismo contra ataque de invasores externos. O organismo possui diversas barreiras contra invasores, que inclui: barreiras físicas (pele), barreiras químicas (lágrima) e sistema complemento (proteínas). Existem também células importantes na defesa contra agentes intracelulares, como: neutrófilos, eosinófilos, macrófagos e células natural killers. Quando nosso sistema imunológico está deficiente podem surgir algumas patologias conhecidas como doenças oportunistas. As doenças oportunistas são doenças causadas por agentes, como vírus, bactérias e parasitas. Elas se aproveitam da deficiência na resposta imunológica para atacar o organismo. O objetivo deste projeto foi correlacionar às doenças oportunistas com a sua imagem médica, associando-as às técnicas de imagem e aos seus respectivos protocolos de aquisição. Algumas doenças oportunistas são comuns aos exames de imagem, porém algumas vezes o tecnólogo não relaciona o achado à doença. Foi realizada uma pesquisa qualitativa da modalidade revisão de literatura integrativa. A pesquisa foi feita por meio de sites acadêmicos como: Scielo, Pubmed, LILACS, na biblioteca da Faculdade de Medicina de Botucatu e Faculdade de Tecnologia de Botucatu. Os artigos forma separados por categoria e analisados conjuntamente. Espera-se correlacionar a doença oportunista com a sua imagem médica, associando-a a técnica de imagem e seus respectivos protocolos de aquisição. Auxiliar qual método de radiodiagnóstico é mais específico para a patologia estudada e qual tem maior benefício e prognóstico eficaz.


Texto completo: PDF