Open Conference Systems, V JORNACITEC

Tamanho da fonte: 
CONSTRUÇÃO DE UM BIORREATOR USANDO MATERIAL RECICLÁVEL
Marcelo Simão, Valéria Cristina Rodrigues Sarnighausen, Alexandre Dal Pai

Última alteração: 2016-08-09

Resumo


A reutilização de materiais recicláveis está de acordo com as perspectivas de preservação ambiental do ambiente e está inserida no âmbito responsabilidade sócio - ambiental da atualidade. As garrafas de politereftalato de etileno, conhecidas como garrafas “pet”, são resíduos que apresentam percentuais crescente no lixo urbano. A reutilização desse material é ampla, e pode ser destinado à construção de coletores solares, à confecção de fibras têxteis e biorreatores entre outros fins. Foram construídos 4 biorreatores de 2 litros, para ensaios de biodigestão anaeróbia, utilizando dejetos de animais de produção. Para tanto, foi utilizado como referência, um trabalho técnico de Souza e Miranda (2012) para a construção dos biorreatores. O objetivo do ensaio foi verificar a facilidade na montagem e eficiência quanto às medições de volume de gás produzido. Para tanto, foram utilizadas 4garrafas “pet” de 2 litros,4 garrafas de 600 ml, 4 garrafas de óleo de 900 ml, 8 bicos de rosca de bicicleta, 200 centímetros de mangueira de combustível de carro, 8 abraçadeiras e tinta spray na cor preto fosco. Os biorreatores finalizados possuem duas partes acopladas pela mangueira, uma parte é constituída pelo fermentador, destinado a conter o substrato submetido ao processo de biodigestão anaeróbia; a segunda parte é destinada à quantificação do gás produzido (gasômetro). Para testar o funcionamento dos biorreatores, foram inseridos dejetos de animais de produção (caprino, suíno, bovino e equino), numa proporção de 1:1 de água. Os substratos (dejetos) foram reservados num período de 14 dias para a produção mínima de biogás, com o intuito de analisar o processo de medição de volume via gasômetro. O ensaio foi útil para constar a facilidade de montagem dos biorreatores, considerando ainda que a construção de sistemas como estes estimulam o desenvolvimento de vários outros tipos de protótipos e reforçam a reutilização sustentável de resíduos urbanos (Vanzela et al., 2013). O gás produzido foi o suficiente para o deslocamento do gasômetro e portanto, o sistema é viável para desenvolver ensaios relacionados aos processos de biodigestão anaeróbia, com baixo custo e funcionalidade.

 

Palavras-chave: Biodigestão Anaeróbia, Biogás, Energia Renovável, Reciclagem.

Texto completo: PDF